img-1018770-moveis-coloniais-de-acaju

 

Até quem acompanha a carreira do grupo Móveis Coloniais de Acaju desde o princípio (1998) ainda consegue se surpreender a cada clipe que os caras lançam. Dessa vez, a temática escolhida foi tão Brasília, que só besouros cegos invadindo casas em outubro seria tão característico quanto (sério, véeei. Tô sofrendo com isso aqui). O clipe de Sede de Chuva, faixa escolhida para abrir o terceiro álbum da banda brasiliense De Lá até Aqui, é a cara da seca que toma conta de maio a outubro na cidade e, mais do que isso, faz jus ao clamor dos habitantes da capital federal que apelam até para mandinga em tempos de narizes sangrando.

 

 

Essa belezura de filme foi idealizada por André Gonzales, o vocalista staile do Móveis, e dirigida por ele e pelo querido Hugo Pachiella. A co-produção ficou por conta da Lojinha de Filmes, uma produtora fodástica de Brasília também (que em breve terá post dedicado, porque essa merece!).

 

Screen Shot 2013-10-29 at 2.37.38 PM

Screen Shot 2013-10-29 at 2.36.47 PM

 

 

 

Os recortes, as cores, o teatro de sombras, os cenários e as composições da tela estão tão bem pensados e bem executados que tudo parece feito no computador. OH, WAIT. O clipe foi todinho produzido na raça, sem computação gráfica e quase nada de retoque digital. Tá duvidando? Curte só o making of:

 

 

Né pra qualquer um, não…  Achei a direção de arte phyníssima e confesso que as cenas com água tocaram meu coração de uma maneira especial (talvez porque eu esteja em Brasília, vivendo essa sede de chuva, né?). Coisa linda, gente. Tão de parabéns! Sucesso!

 

 

ANUNCIE AQUI

Quer usar esse nosso espaço? Entre em contato conosco. Clique aqui!